0

Bares de SP adaptam receitas para vencer o Comida Di Buteco




      Os bares quebraram a cabeça para surpreender os clientes no concurso "Comida Di Buteco", que vai eleger o melhor petisco de São Paulo. O Boteco Bohêmios e o Jacaré Grill são alguns deles. Famoso pela feijoada e o samba, o Bohêmios, que fica na Barra Funda, aposta em uma adaptação do prato.
A receita escolhida para o concurso é o caldinho de feijão, composto por alguns ingredientes típicos de feijoada. Na panela, além de feijão preto, vai bacon, linguiça, uma mistura secreta da velha guarda da família do cozinheiro e louro. Quando tudo estiver cozido, é só bater bem no liquidificador.

Na Vila Madalena, o Jacaré Grill tem uma churrasqueira gigante para oferecer a melhor carne para os clientes. Para o concurso, nada de churrasco e carne. A mulher do dono inventou mini hambúrgueres de pernil, ensanduichados em pãezinhos de mandioquinha e acompanhados de molho de abacaxi com pimenta.

Confira os bares que estão concorrendo no site do G1 : http://g1.globo.com/sao-paulo/noticia/2012/06/bares-de-sp-adaptam-receitas-para-vencer-o-comida-di-buteco.html


Fonte : G1
Leia Mais ►
0

Brasil é a bola da vez no mundo dos vinhos




      Brasil, Rússia, Índia e China são as pérolas na economia global. Os paralelos entre as condições econômicas e níveis de consumo de vinho é fácil: melancolia e decadência para o Velho Mundo e um espetacular desenvolvimento para os países emergentes. O declínio no consumo europeu de vinhos  parece inevitável, o caso é emblemático da França .
Além dessas impressões gerais, os cenários de cada um dos mercados de vinhos são diferentes para cada país. O Brasil experimentou um crescimento líquido em 2011 de consumo de vinhos (15% em relação a 2010). Mas se esse mercado está se diversificando e crescendo em sofisticação, o governo brasileiro está implementando medidas protecionistas para complicar as importações .

O consumo de vinho na Rússia aumentou em 4,7% em volume em 2011. O vinho continua a ser o terceiro neste cenário , considerando o licor como o líder no consumo na Rússia. Em 2011, os russos consumiram  em média 77 litros de cerveja, nove litros de destilados  e sete litros de vinho.

Já o mercado indiano aparece com boa perspectiva , mas não para agora , e sim a longo prazo, em 2011 apresentou um  crescimento de 5% na demanda por vinhos . Porém o  consumidor indiano tem visto o preço do vinho aumentar com tarifas mais altas e impostos.

A demanda chinesa está impulsionando o aumento com seus 15,53 milhões de hectolitros de vinhos consumidos em 2011 (20,5% em relação a 2010), a China responde por 58% do consumo do vinho no BRIC.



Fonte: Euromonitor e Business Drink

Leia Mais ►
1

Espumante com ouro!

    



     O Cremant Coté Or  Rosé é produzido na França, mas precisamente na região da Borgonha. Trata-se de um Cremant de Borgogne (como é conhecido no país). É feito a partir da uva pinot noir que confere ao rótulo toda a finesse que essa uva pode ter. Coté Or traz partículas de ouro comestível 18 K, exibindo em uma bela garrafa que enaltece todo o seu luxo e glamour.

Quer saber mais sobre o espumante? Acesse: http://www.vinhosmillesime.com.br/

Leia Mais ►
0

Restaurantes oferecem pratos harmonizados durante a Vino Week



 De 23 de julho a 05 de agosto deverá acontecer a  Vino Week, mais um evento dos bons para animar a capital paulista. É que nesta semana deverá  acontecer nos restaurantes da capital e do interior, pratos harmonizados por um preço fixo (R$ 79, no almoço e R$ 89, no jantar).  
O evento destaca vinhos brasileiros, italianos e portugueses .

O evento deverá contar com um caixinha , onde os participantes poderão depositar um valor minímo de 2 reais em prol do Instituto Chefs Especiais, que oferece cursos de gastronomia a crianças e jovens com Síndrome de Down.
Confira a lista completa dos restaurantes participantes pelo site www.vinoweek.com.br


Participe!
Leia Mais ►
0

Vinhos da Áustria em alta no Brasil




A paulistana The Special Wineries, distribuidora de vinhos austríacos no país, esta feliz da vida com o crescimento na procura de vinhos da Áustria.  Em entrevista recente a Revista BACO, Lucila Taninaga, uma das proprietárias do negócio , revelou estar contente com as perspectivas no consumo e na procura pelos vinhos no Brasil. “Nossa estratégia é trazer ao Brasil não só uma grande variedade de rótulos, mas também a cultura do vinho austríaco”, relatou.


Mas o que esses vinhos ainda pouco conhecidos por aqui tem de tão especial ? Na verdade há várias razões entre elas a qualidade e a finesse desses vinhos. Esse povo preserva suas videiras há muitos anos e são extremanente cuidadosos e seguem á risca os critérios de produção para garantir safras excelentes.  

A Áustria possui também elementos climáticos e geológicos ideais para o cultivo das videiras cultivadas por lá, são famosos por  produzirem vinhos autênticos,  distintos com caráter e personalidade. Ao longo dos anos seus produtores passaram a unir  os modernos processos de vinificação com a sua cultura tradicional na produção de vinhos.

Além de tintos e brancos impares.  O país produz louváveis  vinhos doces, que estão certamente entre os melhores do mundo.


Suas uvas
A Áustria possui cerca de 35 variedades de uvas  que se dividem na produção de brancos e tintos, sendo que a  produção de  vinhos tintos ganhou aumento nas últimas duas décadas e representa atualmente um terço dos vinhedos da Áustria, que totalizam cerca de 46.000 hectares.

O país dispõe de excelentes terroirs para as variedades conhecidas internacionalmente, como Riesling, Pinot Blanc, Chardonnay, Muskateller, Traminer, Pinot Noir, Merlot, Cabernet e Syrah.
Além de contar com preciosas variedades locais que tornam seus vinhos únicos, como Grüner Veltliner . Esta variedade branca responde sozinha por quase um terço dos vinhedos da Áustria e serve para produzir vinhos ecos e doces. É muito comum  harmonizar seu vinho branco com caças, carnes bovinas, suínas e aves. Essa casta se traduz na produção de vinhos aromáticos, minerais, boa acidez, muito elegante e de grande finesse.  Aliás, para mim ela traduz bem o povo austríaco , um dos mais elegantes e requintados que vi na Europa. Sem dúvida, esta entre os meus países preferidos que tenho imensa saudade de ver novamente.

 Mas, além da Grüner Veltliner, outras variedades brancas fazem sucesso por lá como a  Neuburger, Rotgipfler, Zierfandler e Veltliner Roter , bem como as variedades tintas Zweigelt, Blaufränkisch, St. Laurent e Blauer Wildbacher que são altamente respeitadas e apreciadas pelos produtores.

A Traminer Heunisch é uma das mais antigas variedades européias, provavelmente descendende de videiras selvagens que cresceram durante a antiguidade. Heunisch é o nome de varietal  que pode ter sido trazida pelos húngaros  e tem linha familiar com uvas como a Chardonnay e Riesling.

Climas e solos

A Áustria é um país de clima frio. Apesar da diversidade dos vinhos austríacos, existe uma característica consistente, que os distingue dos outros vinhos internacionais. Seus vinhos possuem generoso frescor aromático, juntamente com a maturação fisiológica completa das suas uvas.

Claro que existem muitas diferenças regionais, como a diversidade da estrutura do solo e as condições de microclima variadas. O país apresenta quatro zonas climáticas principais ( Danúbio, Weinviertel,  Panónia e  Steiermark), as quais reafirmam o caráter dos seus vinhos.
Leia Mais ►
0

Saiba a diferença entre degustação horizontal e vertical




     A arte de degustar bons vinhos é realmente louvável. Além de ter a  oportunidade de provar vinhos dos mais diversos estilos, regiões e safras, temos a chance de analisar o vinho a fundo ao ponto de descobrirmos pouco a pouco o nosso próprio estilo. Mas é sempre bom termos algum conhecimento antes de iniciamos nossa aventura no mundo das degustações. Por isso é sempre bom saber diferenciar esses dois tipos de degustaçõesque são: vertical e horizontal.

A degustação vertical é feita com rótulos de diversas safras de um mesmo produtor, a qual pode variar sua análise. Algumas são feitas a partir da uva  e outras são feitas a partir da safra. Para ser mais especifica, o objetivo aqui é analisar a evolução ao longo dos anos. Por exemplo, se for um blend, pode-se perceber mudanças no corte, já uma varietal podemos avaliar se seus taninos estão mais suaves , conforme a garrafa foi envelhecendo e por aí a fora..

Com isso, temos um panorama desse produtor e a evolução da qualidade dos seus vinhos. Outro fator importante na hora de escolher esse tipo de degustação é saber exato sua sequência. Nas degustações verticais, a sequência a ser introduzida tem alta importância. Ela poderá ser feita na sequência cronológica quanto da safra recente para a mais antiga.O mais usual é começarmos do mais antigo e concluirmos com os vinhos mais jovens desse produtor.


Horizontal

Essa degustação tem o objetivo de avaliar o ano da safra, desta forma, vamos escolher uma bela safra e avaliar os rótulos de diferente  produtores, mas de uma mesma região e com a  mesma uva. Mas você poderá também ser convidado para participar de uma degustação horizontal que usam a variedade e o ano como referência com vinhos vindos de várias regiões do globo. Em geral, as duas formas são interessantes. A primeira você deverá avaliar mais o produtor, na segunda, você terá a chance de avaliar o comportamente das castas em cada região. Assim, você passa a ter uma experiência maior em relação as uvas, regiões e países.
Voilá, aproveite e organize uma degustação com seus amigos!

Degustar é realmente uma arte !








Leia Mais ►
0

Chef André Boccato lança mais uma obra : Atelier de Receitas – Risotos

  


         O livro é simplesmente de dar água na boca! São 26 receitas com diversos sabores e combinações, com imagens ilustrativas e passo a passo para você poder reproduzir um delicioso risoto em casa.

As opções de preparo vão desde risotos de linguiça e amêndoas, de camarão, lula, de queijos e nozes, tomate seco com manga e até de rosas e champagne.
Na introdução, você ainda conhece um pouco da história, dos ingredientes, dicas e técnicas básicas para preparar um risoto perfeito.

A obra faz parte da coleção Atelier de Receitas, um programa super bacana desenvolvido pelo chef André Boccato e sua Equipe CookLovers que lançou recentemente o Livro "Receitas de Brigadeiro", divulgado aqui no blog e "Azeites Aromatizados".


Serviço:
Livraria Gourmet – Rua Augusta, 2542, loja 8, Villa San Pietro, Jardins
Tel.: (11) 3062-6454
 
 
Leia Mais ►
0

Livro ''Grande Larousse do Vinho'' é relançada em nova versão

   



A obra  “Grande Larousse do Vinho”, amplamente conhecido pelos enófilos, enólogos e profissionais do setor,  acaba de ser relançado em nova versão pela Editora Lafonte .

São 528 páginas e 264 fichas que fala sobre as principais regiões vinícolas do mundo, seu processo de produção e tudo o que você precisa saber sobre vinhos.  

Esta aí uma excelente dica para presentear um amigo que gosta do assunto!
 
Serviço:
Obra: "Grande Larousse do Vinho"
Editora:  Lafonte
Páginas: 528 páginas
Preço: R$ 198,00
Leia Mais ►
0

Bordeaux em festa!


Excelente dica para quem esta viajando pela França
 

Desde 1998,  acontece o "Bordeaux Wine Festival" , o evento acontece a cada dois anos, alternando com Vinexpo, e oferece inúmeras atrações que  marca o início do verão europeu.  O evento conta com a participação de 800 a 1000 viticultores que exibem seus rótulos durante  04 dias para mais de 500.000 visitantes  de 28 à 01 de julho.

Todos os anos, a organização destaca uma grande cidade do mundo consumidora dos vinhos de Bordeaux para comemorar , destacando suas peculiaridades, sua cultura e seu povo. Este ano o destaque vai para Hong Kong, na China.

Agora, esperamos ter São Paulo na próxima etapa do festival!

Leia Mais ►
0

Vinexpo Asia tem participação em massa dos Asiáticos

        A quinta edição da  Vinexpo Asia que aconteceu no mês passado, recebeu 15. 785 visitantes (25% maior em relação à edição 2011). Segundo os organizadores, a origem deste aumento é devido à chegada de visitantes da Ásia.  Cerca de 40% eram profissionais do setor de Hong Kong e mais de 36% dos visitantes eram da China Continental.
Leia Mais ►
0

Rótulos - Um verdadeiro prazer aos olhos



« Os vinhos proporcionam alegria aos tristes e audácia aos tímidos ».   Com essa frase, o autor grego Dithyrambo, descreve bem o prazer que essa bebida representa aos seus amantes.  Em meio a tintos, brancos , rosés, estão entrelaçadas histórias, contos, e tudo o que envolve sentimentos que podem ser retratados em seus rótulos.

Adriano Ramos Pinto, tradicional produtor de vinhos do Porto, para a glória dos seus vinhos e proveito da sua exportação, realizava encomendas aos melhores especialistas estrangeiros e nacionais para retratar  a  arte dos seus rótulos. Durante inúmeras viagens pela Europa, Ramos Pinto frequentava museus, os quais o inspiravam; sobretudo os modelos acadêmicos de erotismo sugestivo, transformando-se numa forte marca dos seus rótulos. Em 1910, lançou sua primeira campanha que delimitava imagens da Roma antiga passando pelo Oriente lascivo. Uma das figuras soava exuberante aos olhos de quem percorria os labirintos na escolha do rótulo. A figura retratava a cena de um banquete farto, onde havia uma mulher seminua, coroada de rosas, nos braços de um homem que guardava em suas mãos uma taça de vinho.




Esse parece ter sido um dos ousados rótulos que destacava com arte a boemia real. Foi assim que Ramos Pinto, além de produzir excelentes vinhos do Porto, ganhou destaque entre os apaixonados da bebida que consagrou Portugal no mundo do vinho. Seus rótulos sempre foram cercados de figuras sedutoras, homens e mulheres. Nomes ilustres de artistas locais, como Pedro de Fiqueiredo e Carlos Gomes Fernandes, entre outros, marcaram os renomados rótulos Ramos Pinto.O detalhes é que esses grandes artistas na época não recebiam cachês!


Leia Mais ►
0

Receita de sopa cremosa de queijo camembert

 

       Meninas, devido ao grande sucesso de leitura da receita do dia dos namorados retirada do livro “As receitas amorosas de uma feiticeira”, de Brigitte Bulard-Cordeau, resolvi dar outra receita desse livro super charmoso e de valiosa utlização!

A receita de hoje é  uma sopa cremosa de queijo camenbert, bem fácil de preparar !A obra traz sempre um título que cabe a cada receita. Como se trata de receitas amorosas, ou seja, aquela simpatia para salientar ainda mais o prato preparado para o gato, essa é para se tornar inesquecível na vida dele!!

Vai aí a receita!

01 camembert
01 queijo cremoso com alho e revas finas
500 gramas de batatas
500 gramas de cebolas
03 cubos de caldo
01 lata de leite em pó

Tempo de preparação : 20 minutos
Cozimento : 35 minutos
Tempo Total : 55 minutos
Descasque as batatas e as cebolas em cubos, depois, despeje 1,5 litros de água em uma panela. Mergulhe os cubos de caldo de legumes, as batatas e as cebolas. Cozinhe por 30 minutos em fogo médio e depois bata no liquidificador. Corte os dois queijos em pedaços em uma frigideira, derreta os queijos  em fogo baixo por 5 minutos. Despeje essa mistura de queijo fundido na sopa e bata tudo até obter um creme liso. Pouco antes de servir, despeje o leite em pó e misture.


Quer ver mais receitas .. Então , acesse: http://www.cooklovers.com.br/


Leia Mais ►
4

Guerra das rolhas!



  A empresa americana Nomacorc (maior produtor mundial de rolhas sintéticas) divulgou os resultados de uma pesquisa feita com  600 amantes do vinho da América pela Merrill Research Partners. A pesquisa verificou quais são os critérios que esses consumidores utilizam  na compra de uma garrafa de vinho , no que diz respeito as rolhas que eles vestem.
De acordo com a pesquisa, 97% dos consumidores não revelaram priorizar a rolha no momento da compra, eles alegaram preferir concentrar-se na variedade de uva, preço e região de origem. A rolha seria um problema no momento de abrir a garrafa ou se o gosto da rolha tivesse influência nos aromas do vinho. 

Já em dezembro do ano passado, a Cork Quality Council (Associação dos principais produtores de rolhas de cortiça, incluindo o grupo Amorim Português) anunciou o inverso . O mesmo estudo feito nos EUA ,  com 350 pessoas afirmava que 94% dos entrevistados compravam seus vinhos somente se estivessem vedados pelas tradicionais rolhas de cortiça.

Isso parece cheirar uma grande discussão comercial..


Leia Mais ►
0

Restaurantes preparam menu especial para a Semana da França, em SP





 Vai aí uma dica para os apaixonados pela cozinha francesa. Entre os dias 15 e 24 de junho, a Câmara de Comércio da França-Brasil em São Paulo estará promovendo a Semana Francesa, com o objetivo de promover a "art de vivre" do país, por meio da  gastronomia e das artes. 

Com isso, alguns restaurantes franceses se aquecem para apresentar seus melhores pratos . Confira abaixo alguns dos restaurantes participantes do evento!

Grand Hyatt – Eau French Grill
Avenida das Nações Unidas, 13.301 - Brooklin
Fone: (11) 2838-1234


L’Aperô Bar & Bistrô
Rua Mourato Coelho, 1343 - Pinheiros
Fone: (11) 3814-2445

L’Entrecôte de Paris
Rua Pedroso Alvarenga, 1135 – Itaim
Fone :  (11) 3078-6942


Le Buteque
Rua Haddock Lobo, 1.416 – Jardins
Fone :  (11) 3083-3737


Saint German
Rua Pe. João Manuel, 190 - Itaim
Fone:  (11) 3083-1139


La Brasserie Erick Jacquin
Menu especial para o evento, a R$ 135 por pessoa.
Rua Bahia, 683 – Higienópolis
Fone : (11) 3826- 5409
Leia Mais ►
0

Vem aí mais uma edição da Wine Festival em SP






    Anote na agenda : de 16 a 19 de agosto acontecerá a terceira edição do Wine Weekend São Paulo Festival. O evento vai acontecer no Jockey Club, onde os organizadores prometem apresentar mais de 2.000 rótulos , entre eles estão brasileiros e importados para venda e degustação.

O visitante poderá comprar o seu vinho preferido no evento ou até mesmo disponibilizados em degustações pelas importadoras e as vinicolas para acompanhar os pratos no restaurante do próprio evento, já que o restaurante não estará vendendo vinhos.  O Buffet Garní (Quinta do Museu), é quem vai estar realizando o serviço de gastronomia. Outra novidade é a construção de uma área de  picnic para experimentação de charcutaria, queijos e vinhos.


Serviço:

Wine Weekend 2012  : 16 a 19 de agosto
Local : Jockey Club de São Paulo - Portão 1
Horários: quinta a sábado das 12:00h às 22:00h; domingo das 12:00h às 20:00h.
Ingressos: R$ 50,00 por dia (inclui uma taça de degustação)

 www.wineweekend.com.br


Leia Mais ►
0

Vinhos do País Basco na Espanha exporta 150 milhões de euros em 2011





      Em 2011, as exportações de vinho do País Basco espanhol chegou a 150 milhões de euros (+16% sobre 2010) e 450 000 hectolitros (18%). O Observatório do Mercado de Vinho espanhol (OeMv) afirma que essas exportações seguiram a mesma tendência de crescimento do  mercado espanhol  nesta mesma linha de vinhos.

O preço médio dos vinhos bascos é de 3,36 euros por litro, preço mais elevado que a média nacional refletindo a dominação das vendas de vinhos com denominação de origem.

Fonte : vinogallego.com
Leia Mais ►
0

Masters of Wine, tem recorde de inscritos para os exames de 2012


Dirceu Vianna Jr

O Instituto de Masters of Wine (IMW) anunciou que 298 alunos estão atualmente matriculados em seu curso. Pela primeira vez desde a criação do IMW (em 1953), é o maior número de alunos inscritos em todos os tempos. No ano passado, foram 250 alunos .

De 06 a 09 junho, 98 candidatos de 28 países deverão passar pelos exames finais, que lhes permitem se tornar Master of Wine. Estes exames são realizados simultaneamente em três centros: Londres, na Inglaterra, Sidney, na Austrália  e Napa , na Califórnia – EUA.  Este ano, estudantes chineses e indianos deverão  passar pelos exames. Caso sejam aprovados, deverão ser os primeiros Master of Wine em suas nações. No Brasil, temos Dirceu Vianna Jr.

Para explicar este aumento, Lynne Sherriff (Presidente da WMI) , argumenta que  no mundo todo, profissionais do vinho está procurando uma maneira de aprofundar o seu grau de conhecimento e assim ganhar destaque.

Mais informações sobre o Instituto acesse : http://www.mastersofwine.org/
Leia Mais ►
0

Paisagens de vinhedos em Champagne na França podem se tornar Patrimônio Mundial da Humanidade, pela UNESCO


       Agora é oficial: No dia 29 de maio, Champagne lançou oficialmente a campanha para mobilizar em torno da candidatura da paisagem da região de Champagne na França como Patrimônio Mundial da Humanidade, pela UNESCO. A campanha foi presidida pelo enólogo Pierre Cheval e já recebeu o apoio de mais de 5400 pessoas, como o    presidente da Academie du Vin de France Jean-Robert Pitte, Hugh Johnson, entre outras personalidades.

Mas o  processo ainda tem chão! Champagne vai ter que demonstrar o seu valor universal excepcional para se classificar como Patrimônio Mundial da Humanidade, em Julho de 2014.

Mais cinco regiões de vinhedos estão  inscritos na Lista do Património Mundial da UNESCO. São eles: o histórico Saint-Emilion (França), o vale do Alto Douro (Portugal), os vales de Tokay (Hungria), a ilha vulcânica do Pico (Açores, Portugal) e  os terraços de Lavaux (Suíça) . A próxima reunião do Comitê do Patrimônio Mundial, será realizado (de 24 junho a 6 julho ) em São Petersburgo.


Fonte : Vitisphère
Leia Mais ►
1

Entrevista com a sommelière Daniella Romano

Daniella Romano é sommelière e fundadora da empresa " Aromas do Vinho", que funciona desde 1998 com o  objetivo de levar conhecimento dos sentidos para melhor entendimento dos estudos do vinho usando o olfato e a visão além do paladar.


Daniela também coordena o grupo "Ver o Vinho" , um trabalho social voluntário muito bonito, que tem como propósito habilitar deficientes visuais a participar de degustações de vinhos.
Abaixo você confere um pouco mais sobre Daniella que carinhosamente dedicou um artigo exclusivo para o Vin&Plaisir .  Neste material a profissional relata  seu trabalho e suas preferências . Espero que a Daniella  seja uma grande inspiração para outras mulheres que queiram seguir a carreira de sommelière no Brasil e no mundo!

Parabéns Daniella pelo seu trabalho e  dedicação!



Confira o artigo abaixo!

"Desde que comecei á estudar sobre vinhos, tenho encontrado mulheres interessantíssimas, tanto produzindo e vendendo como fazendo o serviço do vinho. Esse que sempre foi um reduto muito masculino também se rendeu ao universo feminino. Atualmente excelentes profissionais e muitas amadoras já sabem do que gostam e o que querem beber. E a cada um dos vários encontros só para mulheres, que tenho ido me surpreendo com o grau de conhecimento de todas.

Como sommelière e apaixonada por aromas, confesso que sou uma curiosa e gosto de provar vinhos muito diferenciados, me sinto estimulada descobrindo novos universos. Mas existe um vinho em especial que toca meu coração: o Gewürztraminer, esta varietal de nome tão complicado, original de Tramin, norte da Itália é uma das principais cepas na Alsácia, na França, onde é possível encontrar verdadeiras jóias engarrafadas.
O que me fascina nela é a sua capacidade de transformação que pode ir de um vinho muito sério e seco até a um incomparável vinho de sobremesa, produzido com as uvas de colheita tardia (ou vendage tardive: os produtores esperam até o outono quando a uva está bem madura e muito doce e ás vezes até botritizada para fazer a colheita).

E os aromas, ah, os aromas da Gewürztraminer são um capítulo á parte, quando jovem seu perfume de pétalas de rosas, lichia, maracujá com um leve toque de mixirica é maravilhoso, e conforme vai evoluindo, apresenta notas de especiarias, flores secas, mel e finalmente, atinge seu esplendor aromático nos vinhos de sobremesa, neles podemos perceber notas complexas de redução, damasco em compota, extrato de rosas, canela, anis estrelado, noz moscada, avelãs, uma verdadeira festa aos sentidos.

Leia Mais ►
0

Dica de receita para o dia dos namorados!



  
Recentemente eu indiquei aqui no blog a leitura do livro "As Receitas Amorosas de uma Feiticeira – O diário Mágico de Brigitte Bulard-Cordeau". Brigitte é uma jornalista francesa que dedicou em sua obra inúmeras receitas fazendo referências ao mundo da feitiçaria, para agarrar de vez o seu gato ou manter ele bem pertinho e ainda mais apaixonado!

Como esta chegando o dia dos "Namorados", abaixo , vou indicar uma receita bem fácil do livro ! O mais legal dessa obra é que cada receita tem um título! Eu escolhi ! "Para o amor dar frutos" , ou seja, pra coisa dar certo de vez!

Fica aí a dica pras meninas que tem namorado! Como eu estou sozinha, eu vou deixar essa receita para outro momento!!

Aproveitem!!

 

Talharim com ervas, para o amor dar frutos.


Ingredientes :

Tomate, vinho do porto, presunto cru, sálvia e alecrim, pode ser saboreado em uma mesa decorada em tons de vermelho, para alegrar os corações.

A Autora sufere também flores cosmestíveis no cardápio, como bolinhos com flores de acácia ou violetas sobre placas de gelo, que sacabam sendo rituais para o amor se tornar agradável , puro e perfeito!!

 Eita coisa boa!!

Quer adquirir a obra..e conhecer mais receitas.. Então , acesse:


Leia Mais ►
0

Champagne para comemorar! Champagne para amar!





      O amor pode ter várias definições, mas nenhuma delas pode descrever quando estamos realmente apaixonados. Comemorar o amor é uma tarefa essencial. O amor é o mais sublime dos sentimentos e felizes daqueles que sabem amar!

E por falar em amor e comemorações, já que estamos às vésperas do dia dos namorados, uma boa dica é abrir um bom champagne para comemorar e amar!
Se Paris é considerada a capital dos enamorados, com toda a sua beleza. O Champagne por sua vez, é considerado o símbolo das comemorações.

Dentre inúmeras beldades dessa marca já existentes no mundo, uma delas recebe grande destaque por unir beleza, requinte e luxo. A marca Luxor chegou ao Brasil para encantar os olhos dos amantes e despertar prazer e curiosidade. Luxor, é a marca embaixadora do champagne com ouro puro na sua produção. São 24k de ouro que brilham na taça. A degustação de ouro pelos europeus deve início no final do século XIX, em comemorações luxuosas, e ainda contínua sendo utilizado na confecção de pratos sofisticados.

Símbolo de sofisticação e nobreza a união do ouro com o champagne é sinônimo de beleza e glamour para os apaixonados pela bebida.
Leia Mais ►
0

London Wine Fair: Sofre queda no número de visitantes em 2012



     A edição 2012 do London International Wine Fair (LIWF) , que aconteceu em Londres no mês passado, fechou  com 13,431 visitantes profissionais . O evento ocorreu entre os dias 22 e 24 de maio. Em resumo, a edição de 2012 sofreu uma queda de (-2,4%), em relação ao ano passado no número de visitantes. Praticamente estável nos últimos anos, o número de visitantes permanece menor em comparação com o crescente sucesso da Prowein , que acontece em Dusseldorf, na Alemanha que fechou com 40.000 visitantes em 2011.

James Murray, diretor do LIWF , revelou a Vitisphére francesa , que sem dúvida esse foi um ano difícil para a organização, devido a depressão econômica , mas a feira superou expectativas e conseguiu realizar seu objetivo que é viabilizar negócios.
A edição 2013 do London Wine Fair Internacional será realizada em 21 e 23 de Maio, novamente no Centro de Exposições ExCel.
Leia Mais ►
2

Capital mundial da gastronomia, SP agora se volta para a culinária brasileira




Especialista em planejamento e projetos de restaurantes, Adri Vicente Jr. aponta como a cidade passou a receber restaurares e bares de todo o País



São Paulo já foi eleita a capital mundial da gastronomia. A honraria indica que a cidade tem, em todo o planeta, a maior variedade de cozinhas internacionais, à frente de Nova York, Roma, Tóquio, Paris, entre outras. Mas nos últimos dois anos um movimento tem chamado a atenção dos especialistas: a cidade voltou-se para o público interno brasileiro. Passou a receber restaurantes de sucesso em todo o Brasil, “marcas” já estabelecidas, que chegam para ampliar ainda mais o “cardápio” de opções. Já são, pelo menos, 14 novos empreendimentos neste período.

Coco Bambu, La Pizzaria e Leckerhaus são três dos mais recentes exemplos. Vieram em 2012, respectivamente, do Ceará, de Minas Gerais e do Rio Grande do Sul, onde já têm lugar cativo na preferência local. “Claro que São Paulo já tinha uma variedade incrível de restaurantes, muitos típicos, mas a maioria foi criada por gente que já vivia em São Paulo. Agora o movimento é diferente. As grandes marcas de outras cidades e Estados estão apostando na cidade, e sem necessariamente oferecer culinária regional”, afirma Adri Vicente Junior, diretor da Food Service Company, a maior empresa do Brasil especializada em planejamento, criação e estruturação de restaurantes.

O movimento de chegada dos restaurantes “estrangeiros” tem agitado o mercado gastronômico paulistano, não apenas entre os proprietários e frequentadores, mas em áreas como engenharia e arquitetura.

“A economia do país está aquecida e muita gente está montando seu negócio. Mas a chegada de ‘pesos pesados’ de outros locais agita ainda mais o mercado. São Paulo tem um público específico, exigente, que já tem opções diferentes e diversas. Não há espaço para amadorismo. Normalmente estes restaurantes já chegam com um padrão, incluindo aí a construção e o planejamento. Mas é importante conhecer fornecedores, legislação municipal – incluindo de tráfego na cidade -, perfil de funcionários, enfim, características típicas de São Paulo”, relata o diretor da Food Service Company, empresa que tem entre seus clientes marcas como Fran’s Café, Dulca, Café do Ponto, Pizza Hut, Sadia e Vivenda do Camarão.

O perfil cosmopolita de São Paulo abriga uma infinidade de opções a quem procura gastronomia de qualidade. As novidades de outras praças chegam para públicos variados, de opções mais simples até as voltadas ao público “AAA”. “A capital mundial da gastronomia está se voltando às características internas do Brasil. Agora, além de todo o mundo, São Paulo tem restaurantes de todo o Brasil”, finaliza Vicente Junior.


Fonte : Atelier de Imagem e Comunicação

Leia Mais ►
0

Tradicional pizzaria paulistana comemora aniversário com super evento!

Carla Pernambuco, uma das estrelas da "Pizza das Meninas"





 Uma das pizzarias mais tradicionais de sampa,  comemora seus 20 aninhos em clima de festa e "mulheres". Isso mesmo!! A Pizzaria Primo Basílico dá início amanhã(5) ao projeto "Pizza das Meninas", no qual 6 chefs conceituadas da capital criam entradas e pizzas especiais . Toda a renda  deve ser destinada para  a Gastromotiva, um projeto de inclusão social (  associação que promove a inclusão usando a gastronomia como uma poderosa ferramenta de transformação social).

As chefs participantes são Janaína Rueda (Bar da Dona Onça),  Paola Carosella (Arturito), Carla Pernambuco (Carlota e Las Chicas), Bel Coelho (Dui), Ana Luiza Trajano (Brasil a Gosto) e Danielle Dahoui (Ruella).

Você poderá conferir todas essas delícias a partir de amanhã(5) até 5 de julho.
Não perca!!

Serviço:
Conheça a Gastromotiva : www.gastromotiva.org
Pizzaria Primo Basílico :
Rua Gabriel Monteiro da Silva, 1864, Jardim Paulista,
Fone : 11 3082-8027 
Leia Mais ►
1

Terapeuta americana lança vinho para despertar o sexo!

“Vin d’Amour”. Este é o nome da linha de vinhos (um cabernet-sauvignon, um zinfandel e um chardonnay) que será lançada pela terapeuta sexual norte-americana Ruth Westheimer, de 83 anos, famosa por apresentar um programa sobre sexo na TV dos Estados Unidos, aposta em um vinho com apenas 6% de volume alcoólico. Segundo ela, “é a quantidade certa para relaxar e estimular os casais”.

“Quis um vinho com a quantidade suficiente de álcool para relaxar a cabeça, mas despertar os sentidos na medida certa para ‘incitar’ o casal”, disse, em entrevista ao jornal New York Post, a terapeuta. “Álcool demais dá sono”, acrescentou.

“Estou sempre dizendo: os casais devem beber para relaxar, mas não muito. Se a mulher bebe demais, ela adormece e se o homem exagera, ele não pode conseguir uma erecção. É o mesmo problema para casais homossexuais. Com este vinho, que eu estou dizendo: 'Relaxe, mas não beba demais’. Se o sexo segue ou não, não importa. Trata-se de encontrar e se comunicar com alguém importante”, completou.

Nascida na Alemanha, Ruth Westheimer causou sensação nos anos 1980 com um programa de aconselhamento sexual exibido no mundo inteiro. Com mais de 56 mil seguidores no twitter, a terapeuta recém-lançou uma linha de lingerie, um livro, intitulado “Sexually Speaking” e uma marca de pipocas. Os vinhos devem chegar às prateleiras das lojas norte-americanas em meados de julho.
Fonte :Raul Souza Carvalho um dos meus queridos seguidores retirou este texto do Wine Report, para conhecer o blog do Raul acesse: http://raulsousacarvalho.blogspot.com.b/
Leia Mais ►
0

Enoturismo na Espanha: Vinho Jerez esta entre os mais procurados pelos turistas


De acordo com dados da Asociación Española de-ACEVIN Ciudades del Vino de España (Associação Espanhola de Cidades do Vinho de Espanha) mais de 1,5 milhões de pessoas visitaram somente no ano passado, as caves de 21 membros da que fazem parte do “del Vino Club Rutas de España”.

Entre eles, a Rota dos Vinhos e Brandy de Jerez acumula sozinha mais de  480 mil visitantes , isso significa que mais de 30% dos turistas procuram conhecer a rota dos famosos vinhos fortificados espanhóis.

Este percurso foi criado em 2006 e é composto por mais de 100 instituições que têm uma relação com o mundo do vinho . Os turistas visitam as  famosas adegas, bem como conhecem todo o método de preparação do Jerez. Além do contato com coleções de arte, aulas de degustação,  tratamentos com cosméticos as uvas, e muito mais...


Mais informações: http://www.wineroutesofspain.com/


Fonte : Vitsiphére

Leia Mais ►